Segurança na Internet

Sobre a Segurança de Dados

Se você quiser total segurança de não ser assaltado na rua, não saia na rua. Se quiser total segurança de não sofrer acidente de carro, fique longe deles. Se alguma empresa disser que é totalmente segura, não acredite.

Somos seres humanos e por mais cuidado que tenhamos, falhar sempre é uma possibilidade. A segurança e confiabilidade de um sistema depende de seus elos. Um cofre com uma porta de aço blindado de um metro de espessura é facilmente arrombado se as dobradiças forem de latão. Um sistema de segurança é tão bom quanto o seu elo mais fraco, geralmente, as pessoas que o guardam.

A engenharia social, um termo popularizado pelo ex-hacker e consultor de segurança Kevin Mitnick, é atualmente um dos métodos mais utilizados para se burlar a segurança de dados. Pessoas mal-intencionadas buscam ganhar a confiança dos responsáveis pela proteção de informações. Usando manipulação psicológica e apostando na ingenuidade das pessoas, o engenheiro social consegue algumas vezes o seu intento.

Bugs

O programa que você usa falhará. Isso é tão certo quanto impostos e a monarquia na Inglaterra. O programador que inventará o software sem bugs ainda não nasceu.

Backups

Se você não possui backup de seus arquivos, você apenas pensa que eles existem. Informações em um computador são voláteis: uma hora você as tem, outra hora, sumiram. Faça backups frequentes. Uma boa ideia é manter um backup "quente" em um segundo HD, funcionando no computador, e um segundo backup, feito com menor frequência, bem guardado e bem distante (no Japão não seria má ideia).

Malwares

Malware é um programa com código malicioso como os  vírus, cavalos de troia, spywares, backdoors, keyloggers, worms, bots e rootkits.

Mantenha um aplicativo de proteção operando no computador fornecido por empresas confiáveis como a Symantec, McAfee ou Microsoft, sempre atualizado.

Phishing

É um processo que visa obter dados sigilosos através de emails falsos.

Botnets

São perigosas redes de computadores infectados com bots. Bot é um programa capaz de se auto-propagar entre computadores, explorando as vulnerabilidades dos sistemas em que se instalam e podem ser controlados remotamente. Exploram arquivos e programas do computador infectado e podem capturar o que é digitado no teclado do computador comprometido.

As botnets são muito usadas por hackers. Seu criador pode vendê-las ou alugá-las para ataques maliciosos, como propagar spam, roubar dados pessoais, executar ataques de negação de serviço e outros.

Use o Bom Senso

Recomendações para maior segurança são infindáveis. Mas, quanto maior a segurança menos ágil será o seu trabalho. Algum nível de risco é inevitável. Confie desconfiando e use o bom senso. É nisso que, por enquanto, ainda somos melhores que computadores.

Mais: Segurança Institucional

 

 

Busca Temática

 

 

 

Sobre o Spam

No mundo da Internet, spam são emails não solicitados enviados em massa. Normalmente, o contexto e a identidade dos destinatários não possui ligação relevante, e os emails não oferecem opção para cancelar novas mensagens. Spam é sobre consentimento, não sobre conteúdo.

A Lógica do Spam

Por email, uma imensa quantidade de pessoas podem ser contactadas a um custo desprezível. Correspondências não solicitadas e enviadas em massa sempre existiram através dos correios, contudo, o custo do material impresso e as taxas de envio limitavam os abusos.

Não se Ganha Praticando Spam

Pode parecer atraente, mas na verdade o spam pode destruir o negócio do praticante no longo prazo. No curto prazo, o spam pode valer a pena, pois em milhões de emails enviados haverá possivelmente uns poucos interessados. Entretanto, a grande maioria dos atingidos pelo spam irrita-se, resultando numa imagem muito negativa para o negociante. Assim, o longo prazo fica nebuloso para o praticante do spam. Este é o principal motivo porque grandes e sérias marcas evitam essa prática.

Spam é Perigoso

Além de propostas comerciais, vírus, malwares e roubo são motivos para a prática de spam. Arquivos anexos ao email podem infectar o computador ou acessar dados privados. Emails disfarçadas de instituições sérias podem solicitar dados de contas bancários, cartões de crédito etc. É preciso ter cuidado até mesmo com simples propostas comerciais, pois nem sempre há garantia de que a proposta comercial seja idônea.

 

Internet

 

 

 

 

 

Busca Temática

 

Copyright © Guia Geográfico - Proteção em Informática, spam e backup.

 

 

 

Gente

 

 

 

 

 

Segurança na Internet